terça-feira, 24 de abril de 2018

Benito Barros

Um dos meus eus reclama
a solidão absoluta.

A outra multidão em que me reparto
sabe a impraticabilidade do nada
e da primeira pessoa.

Faço-me árvore
sem raiz.

"Cemitério de Pipas",  Benito Barros

(Benito Barros nasceu no dia 24 de Abril de 1957. Morreu em 2010.)

Sem comentários:

Publicar um comentário