segunda-feira, 23 de abril de 2018

Fernando Campos 3

De lá acolhem-te o sinal esperado e logo crepita no alto uma grande fogueira e por todas as torres se alumiam outras e nas praças e ruas principais e trapejam ao vento nos pontos elevados infindas bandeiras e estoiram bombardas e mais tiros de fogo, estralejam foguetes, trombeteiam tubas e estrondeiam tambores no ressoar de charamelas e sacabuxas e repicam os sinos e o povo alvoraçado sai de casa e com a alegria da novidade enramava janelas, varandas, o chão de giestas e piornos e clamava e gritava cada um para se fazer ouvir no meio do arroído e cantavam e dançavam e folgavam velhos e novos enquanto tu com os teus entravas na sé a rezar...

"A Esmeralda Partida", Fernando Campos

(Fernando Campos nasceu no dia 23 de Abril de 1924. Morreu em 2017.)

Sem comentários:

Publicar um comentário