segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

Mudam-se os tempos, mudam-se as vaidades

Portugal, país de poetas e marinheiros? Bah! Isso foi chão que já deu uvas. Agora é: Portugal, país de fadistas e chefs de cozinha. E quem não for uma coisa ou outra, ou as duas - ou, vá lá, pelo menos comentador ou escritor -, então é porque não é bom português. Eu, por exemplo.

Sem comentários:

Publicar um comentário