sexta-feira, 31 de agosto de 2018

Olavo Drummond 3

Sonhar é preciso

Se aos teus sonhos outros sonhos tu somares
Sob a espera da presença do irreal,
É porque estás além dos patamares
Dos arautos da frieza universal

Continua o teu sonho e não te ponhas
Na linhagem dos pétreos, sem sorriso,
Pois os anjos te assistem enquanto sonhas
E na terra te preparam um paraíso...

Benditos sejam os sempre sonhadores,
Fiéis aos passes de mágicos atores,
Que transformam o devaneio em realidade

Quem não sonha do seu chão não tem ciúmes,
É incapaz de lutar contra os costumes
Que corrompem os ideais de liberdade...


Olavo Drummond

(Olavo Drummond nasceu no dia 31 de Agosto de 1925. Morreu em 2006.)

Sem comentários:

Publicar um comentário