segunda-feira, 1 de fevereiro de 2016

Fernando Assis Pacheco 3

Um vento leve, uma espuma 

Do beijo fica um sabor,
do sabor uma lembrança, 
um vento leve, uma espuma. 

Do beijo fica um sereno 
olhar, o amor de coisas 
minúsculas e humildes, 
um pássaro que vai e vem 
da nossa boca às palavras. 
Do beijo fica, suprema, 
a descoberta da morte. 
Um vento leve, uma espuma 
salgada à flor dos lábios

"A Musa Irregular" Fernando Assis Pacheco

(Fernando Assis Pacheco nasceu no dia 1 de Fevereiro de 1937. Morreu em 1995.)

Sem comentários:

Publicar um comentário