quarta-feira, 28 de março de 2018

Daniel Piza 2

Poema do outro lado do mesmo mundo

Quando estou aqui sonhando com você
Você está aí, 11 horas antes de mim,
Em tarde de trabalho, sem saber
Que ocupa a minha noite em Pequim.


Talvez esteja ao telefone, talvez
Sorrindo, e de mim tão esquecida
Que me faz sentir um outro chinês.

Você é o fim da noite da minha vida.

Se então é você quem dorme, sonhando
Quiçá, no Oriente eu navego tonto;
Olho tudo, porém sempre pensando
Na ocidental estrela que já não conto.
 

Jornadas inversas, amor com jet lag,
Rotina em negativo, tempo-açoite:
Até de dia meu sonho a persegue.
Você é a minha vida ao fim da noite.
 

Se você se deita, já estou em pé,
Quando estou cansado, você desperta;
Se toma chá, eu tomo mau café,
Quando se veste, meu coração aperta.
 

Compro pérolas, lacas, sedas, jades,
Tento cobrir fuso horário a nanquim,
Mas não há pechincha para as saudades.
Você é a minha noite com a vida ao fim.

Daniel Piza

(Daniel Piza nasceu no dia 28 de Março de 1970. Morreu em 2011.)

Sem comentários:

Publicar um comentário