quarta-feira, 19 de dezembro de 2018

Ernesto Guerra da Cal 5

Fado chorado sobre um amor passado

Pelo teu corpo
de limão maduro
desço
seguro
ao fundo
do mais fundo
rincão
do meu adorabundo coração
Que
ainda comigo agora
na saudosa desora
do passado
chora
a fio
como um rio
pelo jasmim errado
cuja doce e equívoca fragrância
amargando está em mim
inveterado
a tal
astral
distância

"Ramalhete de Poemas Carnais", Ernesto Guerra da Cal

(Ernesto Guerra da Cal nasceu no dia 19 de Dezembro de 1911. Morreu em 1994.)

Sem comentários:

Publicar um comentário