sexta-feira, 15 de janeiro de 2016

O mal da eternidade é que é para sempre

Republicano dos sete costados, porém sacrista nos tempos mortos, dava-lhe um certo desconforto saber que ia passar a eternidade no reino dos céus.

Sem comentários:

Publicar um comentário