segunda-feira, 14 de outubro de 2013

Pontualmente a pontualidade não compensa

Chamavam-lhe o Atraso de Vida ou o Não Venhas Tarde, dependia se o ano era normal ou bissexto. Porque ele nunca chegava a horas a lado nenhum, fosse trabalho ou lazer. Uma vez teve a morte marcada e vejam lá: atrasou-se como de costume, apareceu vinte minutos depois. Resultado: ainda hoje aí anda.

Sem comentários:

Publicar um comentário