sexta-feira, 8 de julho de 2011

E ao terceiro dia

o homem continua morto. Praticamente morto. Passos Coelho ainda não abriu os olhos para dizer ao País, ditos nos ditos, o que fazer com o pacote de merda que a Moody's nos mandou. Vale-nos o porta-voz do Governo, Cavaco Silva, que agora explica tudo.

2 comentários:

  1. Se fosse o Sócrates, lançava um concurso de ideias. Mas obviamente o Passos não é tão criativo.
    M.

    ResponderEliminar
  2. Vês? Já estás com saudades do Sócrates...

    ResponderEliminar